COMO GANHAR O RESPEITO QUE VOCÊ MERECE NO SEU TRABALHO?

0
483

A maioria dos homens gostaria de apreciar seu trabalho, e todos os homens querem ser respeitados. Contudo, ser bom no seu serviço e ser respeitado nele não são características mutuamente inclusivas. Todo mundo tem uma história de algum conhecido que sempre foi extremamente eficiente em seu trabalho, mas nunca conseguiu uma promoção ou recebeu o devido reconhecimento.

Ganhar o respeito de seus colegas e seus superiores é uma arte diplomática tão melindrosa – e necessária – quanto negociar um acordo para interromper a produção de armas nucleares. Se um sujeito é um profissional excelente, mas não captura a essência do jogo político em seu local de trabalho, ele é um cara morto. Terá todo o trabalho possível, mas nenhuma glória. E não digo glória na forma de plaquinhas com foto sorridente de funcionário do mês, não. Digo glória na forma daquela sólida valorização interna que se transforma diretamente em um senso de honra e felicidade.

Estou falando de Respeito, algo oferecido apenas aqueles a quem damos valor.

Mas como ganhar o respeito em seu ambiente de trabalho? Existem muitas maneiras de fazer algo errado, mas só existe uma maneira de fazer o certo. E este é o caminho das pedras em 10 passos simples:

  1. Importe-se menos. Sério, seja leve. Muitos homens são obcecados com suas carreiras e encaram o trabalho como se fosse um relacionamento romântico. Mas até em um relacionamento romântico, se você ficar muito em cima da gata, ela irá se queixar que está se sentindo sufocada, pedirá um tempo e dará um jeito de descartar você. Então mantenha sua identidade própria. Seu empregador precisa valorizar sua presença e compreender que você está trabalhando ali porque escolheu estar ali. Não interessa o quão bom você seja em sua atividade: se está sempre se curvando e dando seu sangue além do horário, seu empregador irá abusar dessa “boa vontade”. Fatalmente, sua satisfação com o trabalho diminuirá, a qualidade do seu desempenho também, e quando menos perceber você estará sendo dispensado. Não se torne um escravo, mas também não se torne um preguiçoso: apenas desempenhe sua tarefa com leveza, eficiência e sabedoria – e tenha sempre um plano B guardado na manga.
  1. Respeite os prazos. O PRAZO tem esse nome por um motivo: representa um limite de tolerância, uma data de vencimento para a paciência. Se você não respeita prazos, então não é confiável – simples assim. Todavia, se alguém lhe entregar uma tarefa com um prazo impossível de ser cumprido, informe isso de modo firme e respeitoso (“Se e para eu conseguir entregar isso dentro do prazo, a qualidade do serviço terá que ser profundamente sacrificada”); e então vá além e ofereça uma alternativa exequível.
  1. Chegue nos horários para as reuniões. Atrasar-se mostra que você acredita que seu tempo é mais valioso que o tempo das outras pessoas na reunião. Talvez seu tempo seja de fato mais valioso, mas nunca demonstre abertamente esse nível de desrespeito. Simplesmente não funciona.
  1. Evite intrigas. Especialmente por e-mail ou aplicativos de mensagens. Suas palavras e suas atitudes são seu maior cartão de visita. Cuide bem de ambos.
  1. Não desperdice o tempo dos outros. Mas, eventualmente, permita que seus superiores desperdicem o seu. Não se torne um puxa saco ordinário, mas entenda que os degraus da hierarquia existem com uma finalidade – e você não quer descer por eles, quer?
  1. Trate seus subordinados com Honra e Respeito. Nada é mais desprezível que ver um veterano tratar recém-chegados como lixo. São as pessoas que dão “bom dia” do porteiro ao presidente da empresa que fazem os melhores negócios acontecer.
  1. Vista-se como se estivesse indo pedir um aumento. Todo dia. Seu trabalho pode não ser a São Paulo Fashion Week, mas o bom gosto da elegância sempre incorporará vulto à sua presença. Utilize as roupas a seu favor, não contra.
  1. Saiba quando calar a boca. Especialmente se estiver em um grupo. A discrição é uma qualidade tão majestosa quanto rara, e ser demasiadamente honesto ao manifestar suas opiniões em geral significa ser demasiadamente tolo e ter que lidar com consequências nem sempre vantajosas ou agradáveis. Entretanto, se o seu arbítrio foi solicitado por um superior, seja honesto – quem pergunta, quer ouvir – e exponha o que pensa com polidez. Se seu interlocutor achar seu ponto de vista impertinente, procure-o à parte mais tarde e diga, educadamente e em particular, que você gostaria de não ter sido colocado naquela saia justa, mas, uma vez colocado, jamais refutaria a tarefa de ser fiel aos seus valores.
  1. Mantenha sua área de trabalho limpa e organizada. Mas não precisa chegar ao cúmulo de esterilizar o teclado do computador em um autoclave. Uma pequena desorganização pode sinalizar que algum serviço está sendo feito ali; mas restos de comida, uma coleção de copos sujos, pilhas e pilhas de papel, não. Seu local de trabalho não é um quarto de adolescente.
  1. Não beba em encontros da empresa. Se beber, faça isso com extrema cautela e jamais – jamais! – fique embriagado. Se alguém cometer essa gafe, leia o item 8.

Segundo dados da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) – o “clube” das nações mais ricas do mundo -, o brasileiro trabalha em média 1763 horas por ano. Dependendo do quanto você dorme, isso pode ser mais que metade das horas que passa acordado de segunda a sexta-feira. Ou seja: uma fatia considerável da sua vida!

Ganhe o respeito que merece no seu trabalho e você não passará mais o sábado e o domingo odiando a chegada das manhãs de segunda-feira. Seja um Homem.

 

Deixe uma resposta