O AMOR NÃO É UMA BARATA

0
341

Se você está apaixonado, deixe-me lhe dizer uma verdade nua e crua: em algum momento, essa lua de mel irá passar. O fogo da paixão não costuma durar para sempre, é lamentável, mas é assim que as coisas são.

Apesar de ser possível alongar a duração dessa chama, a maioria das pessoas não se dedica o suficiente para manter seus relacionamentos excitantes. Na realidade, quase sempre fazemos exatamente o oposto: fustigamos e desgastamos a união esperando que ela siga em frente ilesa, forte e saudável.

Parece loucura? Pois saiba que, de todas as epidemias humanas, a Loucura é justamente a mais longeva.

Essa compreensão deveria ser banal, uma vez que a receita de bolo é sempre a mesma: para fortalecer em segurança o laço entre vocês neste mundo de instabilidades, trate seu vínculo com respeito e lide com sua parceira com admiração. Doe-se, confie, ouça, aprenda, adapte-se, mude. Mas você não é obrigado a isso. Portanto, se não pretende praticar a arte do entendimento e do cuidado com ela, seja honesto e retire-se de campo. Tenha integridade com seus planos.

Felizmente, caso opte por empenhar-se, seu esforço será pago com bônus, esteja certo disso. Uma relação baseada em cortesia mútua oferece a cada um dos participantes um poder imenso! Ser capaz de contar com alguém ao seu lado para enfrentar qualquer desafio lhe dá energia suficiente para escalar uma montanha, escrever um clássico da literatura ou meramente curtir com plenitude seus dias aqui neste planeta.

Encontrar uma parceria compatível não é uma tarefa fácil. Se você encontrou, meus parabéns! Abra os olhos e compreenda o quanto isso é raro e precioso. Encarregue-se da afeição, aconchegue-a, incentive-a. Peregrinar solitariamente por este mundo é uma ocupação viável, mas inóspita, então faça sua escolha: caminhe desacompanhado com dignidade ou trabalhe com retidão para manter o brilho em seu relacionamento. Independente de sua opção, estabeleça-se 110% leal a ela.

Qualquer casal que esteja vivendo um relacionamento bem afinado lhe dirá que as coisas entre eles funcionam porque ambos FAZEM funcionar. Dominar este processo requer tempo, compreensão e boa vontade, todavia é a única maneira de usufruir integralmente os benefícios da ternura.

O amor pode ser piegas, lírico, cheio de frufrus e devaneios sentimentais, e ao mesmo tempo forte, vívido e preparado para vencer muitas batalhas, mas não é indestrutível. O amor não é uma barata. Ele não pode sobreviver aos danos da radiação e a múltiplos venenos. O amor requer engajamento. Maneje-o com delicadeza e ele irá perseverar. Contamine-o com toxinas e ele irá sucumbir. Simples assim.

As circunstâncias românticas podem dar completamente errado de mil formas diferentes e existe somente uma maneira para que você tenha êxito. Seja inteligente e invista seus esforços nesta segunda opção: pare de reclamar, pare de distribuir culpas e fugir das responsabilidades. Estude, prepare-se e faça a coisa certa.

Deixe uma resposta