TESTES DE CONGRUÊNCIA – PARTE VII: UM ÚLTIMO AVISO DE CAUTELA

0
186

Se uma mulher não estiver profundamente atraída por você ou não tiver feito um investimento emocional prévio em você, a técnica de Apontamento ou expressar sua desaprovação pelo comportamento dela pode ser o mesmo que pisar na jaca e colocar tudo a perder. Expressar sua desaprovação é algo que deve ser encarado com cautela quando você é um cara solteiro indo abordar uma mulher que mal conhece.

Se você está iniciando o flerte e o interesse dela por você ainda não despertou ao ponto dela sentir-se completamente seduzida, qualquer tentativa sua de cercear um comportamento negativo dela pode colocar um ponto final à corte.

Por que?

Porque o investimento dela em você é tão minúsculo que ela não se sentirá compelida a submeter-se à sua autoridade masculina. Ela pode pensar que talvez seja melhor passar para a próxima tentativa e ver se encontra um cara menos exigente, que seja mais complacente com o mau comportamento dela, ao invés de ficar com alguém que ela rotula como um controlador – na verdade, um homem com princípios e limites, mas ela não enxerga as coisas exatamente desse jeito.

Apesar da resposta dela à sua demonstração de limites ser imprevisível, eu recomendo que você seja claro sobre o que você tolera e o que você não tolera o mais cedo possível. O fato é que, se você apontar o comportamento negativo dela e ela reconhecer o fato e se desculpar sinceramente, provavelmente ela vale à pena ser mantida.

O outro benefício em ser honesto desde o princípio é que você pode averiguar a capacidade da mulher em aceitar a liderança masculina à medida que ela responde à sua desaprovação. Se as correções que você apontar forem justas e sinceras, e ela conscientemente se esforçar para mudar de comportamento, tentando agradar você, este é um sinal de que ela respeita seus limites. Neste caso, você tem uma ganhadora em suas mãos.

Por outro lado, se ela rejeitar o que você disse, não importa o quão racional tenha sido seu argumento, a possibilidade é de que ela seja complicada demais para você continuar lidando. Ela é um bilhete premiado para problemas futuros – e esse não é o tipo de coisa com a qual você deveria investir suas emoções, seu tempo ou seu dinheiro.

 


Aprenda mais sobre Testes de Congruência lendo a série completa:

PARTE I: VOCÊ SABE O QUE SÃO?

PARTE II: QUAL O OBJETIVO?

PARTE III:  VOCÊ SABE COMO DETECTAR?

PARTE IV: COMO PASSAR?

PARTE V: TÉCNICAS PARA EVITAR NAUFRÁGIOS

PARTE VI: CENAS PRÁTICAS

PARTE VII: UM ÚLTIMO AVISO DE CAUTELA

Deixe uma resposta