10 FATOS QUE UM MENINO DEVE SABER SOBRE SER UM HOMEM

0
831

Sou da corrente de pensamento que defende que o resgate e a disseminação dos ideais de Masculinidade corrigiriam praticamente todos os males desse mundo. E não falo por cinismo, para fazer graça ou gerar polêmica com convicções instintivas. Esta é uma dedução com fortes bases biológicas e sociais.

Um homem Homem é uma das maiores conquistas que nossa espécie foi capaz de produzir, mas esses tempos de conceitos instantâneos turvaram a visão desse ideal, e a Masculinidade se tornou assunto de troça.

Desaprendemos os valores que deveriam ser passados aos meninos para que eles se tornassem Homens. Meninos hoje têm vergonha de serem másculos – e os homens adultos que eles se tornam apenas perpetuam esse equívoco imperdoável.

Se você já se tornou um homem feito, ou está no processo de se transformar em um, você já deveria ter entendido que:

  1. O MUNDO NÃO TEM HUMILDADE NEM CLASSE.

Atualmente, praticamente ninguém pensa, deseja ou faz qualquer coisa sem tirar fotos e comentar fartamente a respeito. Isso não é um comportamento de Homem. Homens comunicam suas conquistas, não suas vontades.

A classe de um Homem está em alcançar um sentimento íntimo de sucesso dia após dia. Esse sentimento interessa única e exclusivamente a ele e a ninguém mais. Que se dane se você não ganhou uma estátua com seu nome ou um prêmio de reconhecimento pelo seu esforço: o senso do dever cumprido supera tudo.

A classe e o valor dessa discrição também podem ser observados em uma das manifestações mais valiosas da Masculinidade: a Humildade. Considere o herói Máximus, no filme Gladiador. Ele é o epitomo da humildade máscula. Máximus cuida daqueles ao seu redor, ensina seus companheiros de arena a lutar, e nem por um segundo coloca-se acima deles como mais valoroso ou importante. O resultado? Seus homens o adoravam e muitos dispunham-se a dar sua vida por ele. O grande poder de Máximus estava em sua humildade.

Muitos vêm a humildade como um traço de fraqueza. Raramente este é o primeiro traço de personalidade que vem à mente quando tentamos definir o que é um Homem. Mas a verdade é que ser humilde exige uma imensa força de caráter. Um Homem tem segurança de suas habilidades e não sente necessidade de fazer propaganda delas: seus atos falam por si.

O Mundo não tem humildade nem classe. A missão de um Homem é oferecer essas qualidades ao mundo, promovendo o equilíbrio.

  1. É SEU DEVER CUIDAR DOS MAIS FRACOS.

Esta é uma das minhas frases prediletas do universo dos quadrinhos: quando Tio Ben diz para o jovem Peter Parker que “Grandes poderes trazem grandes responsabilidades“. Alguém poderia resumir tão bem em uma só frase a essência da Masculinidade?

Tornar-se um Homem significa compreender quem precisa da sua ajuda. É levantar-se no ônibus e ceder seu lugar a alguém mais velho ou frágil, ou ajudar uma criança a pegar algo na prateleira mais alta do supermercado, ou carregar os pacotes e as malas mais pesadas, ou ter compaixão pelo sofrimento alheio.

Existe uma consistência elegante no comportamento de um Homem. Ele é alguém com quem os outros podem contar. Ele cumpre seus horários, não foge das obrigações, e jamais se posiciona dizendo coisas como “Eu faço o que EU quero, e QUANDO EU quero”. Esse tipo de frase mostra um grau de independência que flerta perigosamente com a imaturidade: quem só o faz o que quer, como e quando quer, não leva em conta ninguém além de si mesmo. Egoísmo não combina com Altruísmo, e um Homem certamente é – antes de qualquer coisa – um altruísta.

Sim, o foco em você é importante, mas nunca esqueça que você faz parte de algo maior, muito maior. Seu trabalho, sua família, seu grupo de amigos, a humanidade como um todo – você NUNCA será o único a lidar com suas próprias ações e suas consequências.

Muitos homens dizem que o casamento e o nascimento do primeiro filho é o que separa o mundo dos Homens do mundo dos garotos: para muitos de nós, estes dois eventos marcam o momento onde você será desafiado a colocar-se completamente a serviço de outra pessoa. É um ataque direto ao Reino do Ego no qual você viveu durante tantos anos.

Um garoto tem interesse apenas em si mesmo. Este é seu principal assunto e sua única meta. Um Homem, por outro lado, tem interesse em como ele pode ser melhor para aqueles ao seu redor. Alguns sacrifícios pessoais podem ser necessários para o bem coletivo, e viver por um propósito acima de você mesmo é o primeiro passo para o verdadeiro amadurecimento.

  1. MULHERES SÃO INTELIGENTES.

Sim, elas são. E muito. E seu modo de enxergar o mundo lhes oferece um tipo de inteligência que nenhum homem jamais será capaz de obter. Ainda que você tenha um conhecimento enciclopédico, você não sabe tudo – e deve aceitar isso. Um Homem nutre respeito pelo conhecimento e sabe que as mulheres podem lhe oferecer entendimentos que estão além da sua capacidade de alcançar sozinho.

Conheço um monte de caras que fazem parte da Cultura da Pegação. Eles acham que comer todas lhes confere algum tipo de prestígio e passam anos – até mesmo décadas – nessa idiotice. Mas nem tudo que você mastiga lhe nutre. Um Homem de verdade digere o mundo, vai além da superfície e extrai aprendizados profundos de suas experiências. E nenhum aprendizado é maior que reconhecer o amor e sentir-se privilegiado em compartilhar a vida com sua fêmea.

Mas observe que Apreciação não é Adoração. Um Homem aprecia as mulheres. Ele aprecia suas formas, seus contornos, suas ideias, seu universo, mas JAMAIS permite que esse poder de sedução resuma quem ele é. Um Homem NUNCA se coloca de joelhos barganhando sexo ou demonstrações físicas de afeto. Isso não é sabedoria ou humildade: é carência infantil.

Mulheres são inteligentes. Esteja à altura.

  1. COZINHAR E LIMPAR NÃO SÃO TAREFA DE MULHER.

Um homem que não é capaz de cuidar de si mesmo não é um homem: é o filhinho da mamãe dele. Um Homem cuida da sua casa, da sua aparência, das suas coisas.

Preparar suas refeições e ter disciplina para manter seu lar limpo e asseado envia uma mensagem poderosa para seu cérebro: é ASSIM que a vida deve ser. Assumir tarefas domésticas e organizar a casa é uma demonstração sólida do seu nível de independência.

Todo garoto quer ser alimentado. Um homem alimenta a si mesmo – e à sua família, sem titubear. Então aprenda a cozinhar, arrume sua cama, lave a louça, limpe o banheiro, pendure suas roupas, desenvolva apreço pela ordem no lugar onde você mora.

Seu corpo TAMBÉM é sua casa – cuide dele adequadamente. Quando mais cedo você compreender isso, mais cedo entenderá o que significam disciplina e respeito.

  1. EXISTEM APRENDIZADOS PARA ALÉM DAS SUAS EXPERIÊNCIAS.

Não é possível abrir a porta da Masculinidade sem as chaves do Aprendizado. Por isso, leia bons livros, assista bons filmes, ouça boas pessoas, aprenda sobre o mundo e desenvolva a arte da conversação.

A parte de ouvir pessoas mais experientes é especialmente importante durante a adolescência: um adolescente típico não é capaz de contemplar o futuro para além de alguns poucos meses. Isto não é uma falha de personalidade: simplesmente seu cérebro não está maduro o suficiente. O córtex pré-frontal só estará completamente desenvolvido a partir dos 24 anos, mais ou menos – e justamente esta parte é responsável pela regulação do humor, pelo controle da impulsividade, pela capacidade de atenção e pela habilidade de planejar o futuro, pesando as consequências de suas ações.

Mesmo após a conclusão do processo de maturação cerebral, a bagagem de vivências dos mais velhos oferece um acervo excepcional sobre o que funciona e o que pode resultar em um desastre retumbante. Ouvir alguém mais experiente não significa seguir cegamente seus conselhos, mas é sempre uma boa ideia ampliar seu campo de visão utilizando dicas de sabedoria.

Ouvir é uma arte. A maioria das pessoas não ouve: elas querem ser ouvidas, querem contar suas histórias e massagear seus próprios egos. Mas todo mundo tem uma história – preste atenção nelas. Quando uma pessoa de valor estiver falando, ouça-a completamente. Garotos entopem o ouvido dos outros com suas falas. Homens compreendem que existe um momento para ouvir e um momento para falar – e quando eles falam, sabem o quê dizer, quando dizer, como dizer e para quem dizer.

Uma das grandes diferenças entre garotos e Homens é o nível de consciência sobre a comunidade para além de seus amigos e familiares. O mundo é imenso e se move de um lado ao outro. As mudanças são uma constante. Se essas mudanças serão para melhor ou para pior, tudo dependerá das pessoas que decidiram se envolver e agir.

Garotos não sabem lhufas do mundo fora das suas próprias experiências e tendem a se defender dizendo coisas como “Eu nem ligo, isso não me afeta!”. Isso apenas confirma que eles são garotos, crianças que precisam de adultos lhe dizendo o que devem fazer. Uma parte importante de tornar-se um Homem consiste em manter-se informado e preparado para assumir um papel responsável na sociedade. Você é ao mesmo tempo um Homem, um Animal e um Político.

Aceitar conselhos que divergem das suas certezas e estar disposto a sair da zona de conforto, mudando de ideia se necessário, não são atitudes que vêm naturalmente. Toda sua arquitetura cerebral foi montada para rejeitar mudanças de opinião, encorajando quimicamente o corpo a reagir ao desconhecido com medo e brutalidade. É preciso lutar voluntariamente contra este impulso de acomodação.

Sem novos aprendizados, você estará condenado a cometer os mesmos erros e permanecer no mesmo lugar, para sempre. Seja um Homem, não a raiz de uma planta.

  1. SAIR NO BRAÇO PODE SER NECESSÁRIO.

Existe um provérbio chinês que diz: “O homem que desfere o primeiro soco perdeu a discussão”. Isso significa que, quando uma discussão evolui para uma briga, a parte que apelou para a violência não foi inteligente o suficiente para ganhar a parada por meio de argumentos, então o sujeito apela para seu último recurso. Essa é sempre uma decisão estúpida.

O que fazer quando alguém ameaça você fisicamente? Simples: caia fora. Afaste-se. Esconda-se. Corra se for necessário, mesmo que você seja capaz de ganhar a briga.

Em raríssimas situações, revidar a agressão pode ser sua única alternativa. Você não pode correr, não pode fugir, e dissuadir o outro por meio da conversa está fora de questão. Se este for o caso, pense numa rota de fuga e bata primeiro. Acerte-o no nariz (o sangramento profuso pode desencorajá-lo) ou no saco (a dor o impedirá de perseguir você) e então saia dali. Dê um soco ou um chute e caia fora imediatamente para algum lugar seguro.

Apesar de tudo que você viu nos filmes de ação, a realidade é bem diferente de um espetáculo de artes marciais do Bruce Lee ou dos sopapos precisos do Jason Bourne – lembre-se: eles eram amigos dos roteiristas… Até mesmo no UFC existem regras. Uma briga de rua não possui regras ou juiz, e raramente resulta em alguma coisa boa.

Você se defendeu à altura, revidou e deu uma surra monumental no cara. Agora ele retorna com mais amigos, com uma barra de ferro ou talvez um revólver. E aí? Somos uma espécie notoriamente conhecida por entender a “Derrota” como sinônimo para “Vingança no Futuro”. E o futuro às vezes caminha mais depressa que você gostaria.

Talvez o método mais eficiente para não se envolver em brigas, discussões ou outros problemas do gênero é JAMAIS fazer algo porque alguém lhe desafiou. Tentar provar sua força pode ser tentador, especialmente quando a alternativa é deixar que pensem que você é um covarde. Mas a verdade é o contrário: quem recusa um desafio demonstra inteligência e independência – justamente o que seu adversário espera roubar de você.

A maioria das situações tensas pode ser resolvida com uma piada ou uma conversa tranquilizadora. Contudo, eventual e lamentavelmente, sair no braço pode ser necessário. Como um Homem, você deve ser capaz de diferenciar com imensa racionalidade as duas situações e agir de acordo.

  1. MANTER É TÃO IMPORTANTE QUANDO PEGAR.

A vida de um Homem não se resume a conquistar, mas também em manter o que conquistou – e este é um aprendizado perpétuo.

Algumas vezes, o sucesso e os objetivos que você traçou para sua vida podem vir relativamente rápido. Todavia, sem o devido cuidado, essas mesmas coisas podem se desfazer bem na sua frente. Valorize-as com sua atenção.

Manter sua força emocional é tão importante quanto manter suas conquistas. A vida não é feita só de alegrias. Ela lhe dará alguns chutes no traseiro vez ou outra. A pergunta é: esses pontapés lhe empurrarão para trás ou para frente?

Quando dão de cara com alguma adversidade, garotos sentam e choram. Homens sentam e aprendem, e se põem de pé para fazer melhor no dia seguinte. A estagnação nos momentos de desespero é um sinal bem claro de imaturidade. Você cresceu, você é um Homem agora, não um caranguejo. Não vacile dando passos hesitantes para os lados. Pense positivo e coloque seu foco no progresso.

O destino lhe deu uma rasteira? Ótimo. Sacuda a poeira e siga em frente.

  1. MODERAÇÃO É SABEDORIA.

Há  mais de 2.500 anos, Sócrates disse: “Tudo com moderação, nada em excesso”. Um bom tempo depois, Oscar Wilde o corrigiu, dizendo: “Tudo com moderação, inclusive a moderação”. Eu prefiro a versão de Wilde.

A diferença entre uma e outra citação está no fato de que você pode se conceder alguns excessos, desde que faça isso com moderação também. Alguns pequenos vícios eventuais não definem você. A maturidade, sim. E ser maduro significa encontrar um equilíbrio em tudo, e preservar este equilíbrio.

Por exemplo: sentir-se bem e estar com saúde não são sinônimos. Sua zona de conforto lhe faz sentir bem – garotos amam uma boa zona de conforto. Mas será que ela lhe fará avançar no longo prazo? Ajustes podem ser necessários, e você deve ser um Homem para enfrentar e implementar esses ajustes.

Permaneça na sua zona de conforto apenas o tempo necessário para planejar seu próximo passo, e então dê este passo com vigor, determinação, assertividade. Saiba até onde ir e pare para rever sua estratégia de tempos em tempos. Seja moderado tanto no descanso quanto no avanço.

  1. A MISSÃO É DESCOBRIR QUEM VOCÊ É.

Esta provavelmente é a missão mais importante e difícil de sua vida. Ela implica em determinar claramente o que lhe é valioso, em quê você acredita e pelo quê você irá lutar.

Somos criados com uma multidão de pessoas nos dizendo o que pensar, como agir e o que falar. Algumas dessas pessoas são parentes, outras são professores, amigos, colegas, líderes religiosos, políticos, autoridades, etc. Na maioria das vezes, escolhemos o caminho mais fácil e de menor resistência. Concordamos ou deixamos para lá, seguimos o fluxo para evitar atritos e tornar a vida mais suave. Tudo bem, essa leniência pode ser necessária algumas vezes, mas surgirão ocasiões em que você deverá escolher um caminho diferente, um caminho SEU, exclusivo, e ele irá definir quem você é como indivíduo.

Nos momentos definidores, é essencial que você tome a decisão por SI MESMO. Pessoas experientes merecem sua atenção, mas elas não são infalíveis – nem mesmo aquelas que querem sinceramente o seu bem. Muitas delas apresentarão “fatos” na intenção de manipular você para ser o que elas querem que você seja ou para fazer o que querem que você faça. Aprenda a reconhecer essas artimanhas.

A história está repleta de políticos e pessoas influentes que deturparam os “fatos” para obter apoio e reconhecimento popular. Para tomar decisões como um Homem, você deve agir não por influência de autoridades, ou por pressão de colegas, ou por medo de perder o apreço de pessoas que considera importantes. Não caia na armadilha de desejar ser agradável e simpático sempre: tome suas decisões a partir da convicção de quem você é e que tipo de pessoa você espera se tornar.

Muitas pessoas justificam suas decisões dizendo: “eu sei quem eu sou e confio no meu instinto”. Essa é a maneira preguiçosa com que um homem evita o trabalho de desenvolver uma opinião bem informada. Deseja expressar o que você pensa ou definir sua própria verdade sobre política, pena de morte, casamento homossexual? Primeiro, faça SUA pesquisa. Consulte livros, estudos, pesquisas, artigos, estatísticas, assista entrevistas de pessoas com notório saber defendendo pontos de vista divergentes. Expressar uma opinião sem embasamento é pedir para ser tratado como uma criança ou como um papagaio de pirata que só repete o eco coletivo. Seu trabalho como Homem é descobrir a verdade, não confirmar uma opinião pré-concebida na sua cabeça.

Meninos amam heróis e talvez esta seja uma característica que deva ser levada para sua idade adulta. A imagem do herói pode ser utilizada como um espelho para o Homem que você deseja ser. Escolha personalidades históricas, empresários, empreendedores ou até mesmo personagens de livros e filmes. O truque é inspirar-se nas pessoas certas pelos motivos certos.

Esqueça a maioria dos esportistas, músicos e celebridades da TV: não que eles não sejam boas pessoas, mas o fato de terem muito sucesso e dinheiro não significa que eles sejam sábios. Quase sempre, o que ocorre é justamente o oposto: a maioria dessas pessoas persegue a fama de modo tão obtuso que não desenvolvem interesses mais elevados que isso, e suas opiniões tendem a ser espalhafatosas, desinformadas e pouco práticas. Encontre heróis reais ou fictícios que representem os VALORES E OS PRINCÍPIOS – e não a conta bancária – que você deseja ter.

O estadista britânico Edmund Burke uma vez disse que “A única coisa necessária para o triunfo do mal é que os homens bons façam nada”. Em outras palavras: não basta que você tenha um bom conjunto de ideais e crenças. Eventualmente, como um dos seus heróis, você terá que levantar seu traseiro do sofá e defender o que acredita.

Isso é especialmente verdadeiro e difícil quando está entre amigos ou em uma reunião de trabalho e todos expressam uma opinião oposta a sua. Você é minoria e certamente será ridicularizado. Contudo, se você é um Homem, você já considerou a questão em debate à luz da razão e segundo seu próprio código de honra e nobreza. Sua ideia não é fruto da ocasião, mas um produto de intensa reflexão. Não abra mão dela. Seja forte. Não se cale. Coloque-se de pé e defenda seu ponto de vista com argumentos sensatos e sólidos. Se você não fizer isso, esses momentos decisivos irão assombrar você pelo resto da sua vida.

  1. A VERDADE MÁXIMA: AME AS PESSOAS E USE AS COISAS.

“Descobrir quem você é” pode ser a sua missão mais importante na vida, mas nem sempre os fins justificam os meios. Na busca pelo autoconhecimento, pela sabedoria e pela prosperidade, você deve se ater a um princípio acima de todas: Ame as Pessoas e Use as Coisas – e não o contrário.

Um Homem sabe que pessoas merecem afeto e consideração. Coisas, não. Ele aprecia e cuida do seu carro e das suas roupas e afins, mas não é apaixonado por eles. Tampouco usa as posses que tem para provocar, diminuir ou humilhar as pessoas como uma forma de divertimento, pois isso é um sinal de ignorância, não de superioridade. Quem ama as coisas é imediatista e possessivo. Quem ama as pessoas é capaz de ver através das coisas.

O amor pelas pessoas, demonstrado na forma de proteção, respeito e um profundo senso de justiça, deve ser inegociável e inabalável. Um garoto sente-se no direito de nutrir ódio por uma ex-namorada que chutou-o de escanteio. Um Homem, não. Entenda: qualquer um pode se apaixonar. Pessoas se apaixonam todo dia, até adolescentes e pré-adolescentes se apaixonam. Entretanto, manter a dignidade quando a paixão se esfacela, esta é uma tarefa para a Masculinidade verdadeira.

Garotos são vulneráveis, Homens são resilientes. Garotos se perdem em pântanos de auto-piedade quando terminam um relacionamento. Homens seguem em frente de cabeça erguida, honradamente aprendendo com suas tentativas e erros. Seu respeito pelas pessoas exige esse padrão de conduta.

Um dos maiores sinais de amor pelas pessoas consiste em ser capaz de pedir desculpas primeiro. Este é o comportamento digno de um herói: heróis resolvem conflitos, eles se expõem aos riscos, e que risco pode ser maior que assumir o próprio erro? Um menino dá com a língua nos dentes. Um Homem é capaz de engolir seu orgulho e aceitar seu insucesso. Ele entende que a capacidade de manter bons relacionamentos interpessoais sempre pesará mais que o custo dessas 3 palavras: “Desculpe, eu errei”.

A tarefa de transformar Meninos em Homens requer muito mais que a simples compreensão desses 10 itens. É preciso agir de acordo. Nenhuma conta no banco, nenhum time de futebol, nenhuma mancha de churrasco na sua blusa jamais será capaz de medir sua Masculinidade. Nenhum filme do James Bond mostrou o invencível 007 levantando pesos, torcendo numa final de campeonato ou tirando sarro de pessoas vulneráveis. Ian Fleming podia ter colocado uma descrição dessas em seus livros, se quisesse. Mas não colocou. Ainda assim, James Bond é um arquétipo do “Homem de Verdade”. Por quê?

Não é pelo seu gosto por mulheres, carros ou pistolas. James Bond é um modelo pelo seu temperamento, pelas reações rápidas e, principalmente, pelo seu entendimento do todo. Ele exibe traços de Masculinidade que atravessaram eras e que jamais se tornarão antiquados – independente do que as gerações mais novas pensem.

A grande diferença entre um menino e um Homem está no fato de que meninos falam sobre o que querem fazer e Homens simplesmente FAZEM. Lamentavelmente, o mundo moderno não prepara mais os meninos para serem Homens: ele espera que meninos sejam meninos pela eternidade, sempre querendo e nunca sabendo. O desafio para vencer essa corrente será enorme. Não desanime: seja tenaz, vigilante.

Estude, desenvolva sua consciência, defenda seus princípios. Tenha coragem. Descubra o que é viver em plenitude consigo mesmo. Faça-se Homem!

 

Deixe uma resposta